Relatórios gerenciais: quais os principais para uma boa gestão?

2020-08-14T16:51:53-03:0019 dezembro, 2019|Sales Performance Management|

Bons relatórios gerenciais oferecem uma visão profunda e precisa ao gestor, aumentando o sucesso nas tomadas de decisão diárias. Neste post, apresentamos os principais relatórios gerenciais.

O relatório gerencial consiste em um apanhado de informações verídicas e relevantes sobre o desempenho de determinada área, departamento ou processo da empresa, por exemplo, o setor de vendas. Ao analisá-lo, o gestor pode tomar decisões acertadas com segurança.

Há uma boa quantidade de relatórios úteis ao gestor ou empreendedor. Enquanto alguns estão ligados ao desempenho financeiro da empresa, outros podem resumir os esforços de pesquisa e desenvolvimento (P&D) de produtos ou gestão de recursos humanos.

Nos tópicos seguintes, explicaremos quais são os principais relatórios para uma boa gestão de negócios e como aproveitá-los. Portanto, continue com sua leitura.

Demonstrativo de resultado do exercício

Um dos principais relatórios financeiros é o demonstrativo de resultado do exercício, chamado de DRE. Esse relatório conta com informações financeiras (receita total, lucro líquido, custos fixos, etc.) consolidadas sobre certo período, geralmente um trimestre, podendo também ser mensal.

Quando a empresa conta com um sistema de gestão financeira que registre seu fluxo de caixa, é comum que o DRE seja gerado de maneira automática. Então, basta imprimir. Do contrário, é preciso buscar o setor ou escritório de contabilidade para emitir o relatório.

Relatório de vendas

O setor de vendas conta com uma infinidade de dados que, se bem aproveitados, podem oferecer uma visão muito mais completa e profunda ao gestor. Não há um padrão para o relatório de vendas, mas é comum que os seguintes itens estejam presentes:

  • percentual de vendas efetivadas;
  • margem de lucro por produto;
  • crescimento das vendas (mês a mês);
  • metas alcançadas (ou não);
  • nível de participação no mercado.

O mais interessante é contar com um software que permita monitorar a performance de vendas. Assim, terá essas informações com maior facilidade.

CTA ebook indicadores de desempenhoPowered by Rock Convert

Relatório de atendimento ao cliente

O relatório de atendimento ao cliente é menos operacional e tem dados mais subjetivos, ligados ao nível de satisfação e lealdade dos clientes. Veja alguns exemplos:

  • nível de NPS (lealdade dos clientes);
  • percentual de clientes satisfeitos;
  • número de reclamações, dúvidas e devoluções;
  • taxa de evasão de clientes (churn rate).

Relatório de gestão de Recursos Humanos

Outro relatório interessante é o de gestão de pessoas, afinal, ele contém dados diversos e realmente importantes à saúde da organização. Com tais relatórios, o gestor pode decidir quanto investir em gestão de pessoas, aquisição de talentos ou desligamento.

Alguns dos dados comuns são:

  • nível de assiduidade dos profissionais e equipes;
  • percentual de turnover;
  • retorno sobre investimentos (treinamentos, por exemplo);
  • nível de satisfação dos funcionários;
  • horas de treinamento das equipes de trabalho;
  • custos com aquisição de talentos.

Relatório de gestão da qualidade

Em várias empresas, também é comum que se crie relatórios de gestão da qualidade. Esse relatório está mais focado em explicar a eficiência dos processos produtivos diários, bem como das máquinas e equipamentos que fazem parte da empresa. Confira alguns dados:

  • número de erros e problemas diários;
  • percentual de produtos defeituosos;
  • análises de causalidade dos problemas identificados;
  • devoluções de produtos por defeitos técnicos.

Esses são alguns dos principais relatórios gerenciais e todos podem ser usados, em maior ou menor grau, dentro da sua empresa. Assim, poderá diagnosticar gargalos que estão atrapalhando seu processo produtivo, bem como extrair insights e promover melhorias.

Gostou do nosso artigo, correto? Aproveite para descobrir mais sobre análise de dados no processo de vendas e como isso pode ser feito dentro da sua empresa. Até lá!

Deixar Um Comentário