Quais os principais desafios na gestão de capital humano no varejo?

2019-06-24T15:15:21-03:0016 abril, 2018|Gestão de Pessoas no Varejo|

A correta gestão de capital humano induz a uma série de vantagens, como o aumento da competitividade, a retenção de talentos e a maior satisfação dos clientes. Para os negócios no varejo, sendo um segmento tão competitivo, esses pontos são cruciais.

É importante considerar, no entanto, os desafios de gerenciar as pessoas. Além de uma liderança ativa e bem treinada, é preciso se adequar à transformação digital, mensurar o desempenho dos funcionários e manter o time entusiasmado.

Pensando em tudo isso, separamos este artigo para você entender, de forma clara e objetiva, os principais desafios do capital humano e como contorná-los. Continue a leitura!

Ajude seus vendedores a melhorar a
performance e aumentar as vendas

Transformação digital

Estima-se que 56% das empresas estão reformulando seus processos de RH para aproveitar ferramentas digitais. Isso é reflexo de um mercado cada vez mais tecnológico. Áreas de RH que não se adaptam a essa realidade podem perder competitividade.

Hoje, dá para fazer quase tudo de forma digital: aplicação de dinâmicas, entrevistas para seleção, definição de metas e acompanhamento das métricas de desempenho.

Para não perder espaço, é importante que o negócio do varejo aposte em ferramentas digitais para gestão de pessoas, como plataformas de gestão do desempenho. Também é preciso que o digital faça parte do DNA da loja, visto como algo realmente importante.

Liderança competente

Os principais responsáveis pelos resultados de uma equipe são os próprios líderes. Todavia, não é fácil encontrar bons profissionais. Além de conhecimentos específicos, eles precisam experiência, entusiasmo e competência para entregar resultados.

Na atualidade, 38% dos empregadores possuem dificuldades em contratar mão de obra qualificada, sendo o cargo de gestor (isto é, o líder) um dos mais difíceis de ocupar.

Para superar esse desafio, muitas empresas investem no desenvolvimento interno de líderes. Com programas específicos de capacitação, considerando os valores da loja, transformam operários em líderes de alto desempenho. Assim, é possível crescer.

Treinamento da equipe

Infelizmente, manter a equipe qualificada é um desafio em muitas lojas. Por falta de táticas adequadas, gestores deixam seus funcionários desprovidos das competências para atender bem e entregar resultados acima da média, um grande problema.

Sabe-se que no Brasil há, aproximadamente, 21 horas de treinamento por funcionário ao ano, um número 36% inferior aos EUA (onde há 33 horas de treinamento por ano).

Nesse caso, é indispensável investir em novos caminhos para a loja. Uma ótima solução é o treinamento à distância (EAD), presente em 23% do comércio. Como o investimento em estrutura, transporte e manutenção é inferior, o custo-benefício torna-se um atrativo.

Ajude seus vendedores a melhorar a
performance e aumentar as vendas

Mensuração dos resultados

Ainda é preciso considerar a mensuração dos resultados na gestão do capital humano. Em muitas lojas, nenhuma métrica ou indicador de desempenho é monitorado. Isso reduz significativamente as chances de fazer boas escolhas no expediente.

Existem muitos indicadores, como nível de rotatividade, assiduidade dos profissionais e percentual de promotores internos. A questão é: como mensurá-los adequadamente?

Aqui, é importante contar com uma plataforma de gestão do desempenho. Ela será útil para definir metas inteligentes, mensurar os resultados alcançados e criar planos de desenvolvimento individual. Logo, todos poderão crescer.

Agora que você está por dentro do assunto, já sabe que a transformação digital, a liderança competente, o treinamento da equipe e a mensuração dos resultados são grandes desafios na gestão de capital humano no varejo. Porém, com a ferramenta certa é possível superá-los!

Aproveite para continuar aprendendo e leia nosso artigo “Entenda o que é um plano de desenvolvimento Individual“. Vamos lá!

1
Olá, podemos ajudar?
Powered by