6 dicas para fazer uma apresentação de proposta comercial incrível

2020-03-24T14:03:41-03:0024 março, 2020|Sem categoria|

Uma boa apresentação de proposta comercial oferece uma série de benefícios. No entanto, é preciso saber como formulá-la de maneira objetiva, atraente e interessante. Confira como em nosso post.

Fazer uma apresentação de proposta comercial incrível é importante por, no mínimo, três motivos:

  • aumenta a chance de fechamento da venda;
  • promove uma ótima impressão do negócio;
  • facilita a compreensão do cliente ou fornecedor.

Para ficar mais claro, proposta comercial consiste em uma apresentação de compra ou venda de algo. Arquitetos, por exemplo, fazem propostas comerciais para a restauração de imóveis. Já gestores, para a venda de determinados projetos, bens ou serviços.

No entanto, é preciso ter cuidado na hora de formular sua proposta comercial, tendo atenção a algumas dicas. Adiante, explicamos as principais.

1. Conheça o seu público-alvo

Em primeiro lugar, uma boa apresentação comercial deve considerar o seu público-alvo. Em outras palavras, as pessoas que você está tentando convencer.

Seu público pode variar bastante. Pode ser uma pessoa física ou jurídica, um jovem ou idoso, homem ou mulher. Logo, é natural que sua apresentação também mude para compreender essas peculiaridades. Veja alguns itens comuns à definição de público-alvo:

  • idade;
  • gênero;
  • classe social;
  • escolaridade;
  • localidade;
  • estilo de vida.

Quando você tem uma visão clara sobre quem é seu público, pode formular uma proposta impactante, objetiva e que converse adequadamente com seu cliente. Assim, as chances de obter sucesso e fechar um bom acordo são maiores.

2. Tenha um objetivo claro em mente

Agora que conhece o seu público, antes de começar a escrever, é interessante pensar no objetivo central da sua proposta comercial.

Você pode ter o objetivo de oferecer uma visão rápida e panorâmica sobre o bem ou serviço da empresa. Também pode querer se aprofundar ao máximo, explicando os detalhes da sua proposta. Ou, ainda, criar uma proposta fluida, atraente e interessante.

Uma coisa é certa: ao contar com um objetivo, terá mais facilidade em produzir e seguir uma direção coerente do início ao fim da proposta comercial.

Nesse caso, vale usar a ferramenta 5W2H como guia inicial. Ela permite que você reflita sobre 7 questões — o que deve ser feito? Por quê? Como? Quem fará isso? Quando? Onde? Quanto custará? — e delimite o objetivo da proposta com mais eficácia.

3. Conheça profundamente seus números

Toda proposta comercial, tanto de compra quanto de venda, depende de um sólido conhecimento dos números. Com isso, poderá entender se existe margem para negociação, como os números afetam o desempenho da empresa e dos resultados finais.

Mas, afinal, quais números são esses? Depende muito da sua proposta. Se você está vendendo um projeto, por exemplo, precisa conhecer os custos envolvidos, o lucro líquido esperado, o potencial de retorno sobre investimento, entre outras coisas.

Nesse caso, se você não conhece bem seus números, o mais interessante é elaborar uma proposta ao lado de alguém do setor financeiro.

CTA ebook reduzir custosPowered by Rock Convert

Também é importante contar com metas em relação aos números. Por exemplo, manter a margem de lucro de 30% no projeto ou ter um retorno sobre o investimento de 15%. Desse modo, terá mais chances de montar uma proposta financeiramente atraente.

4. Comunique-se com muita clareza

Se você conhece seu cliente, seus números e tem um objetivo claro, poderá fazer uma proposta (como um documento) incrível. Mesmo assim, é preciso de outro elemento-chave: a comunicação. Sem uma boa comunicação, o resultado não será o esperado.

Nesse caso, é preciso treinar a si mesmo. Você deve se fazer entendido, sem muitos rodeios ou deslizes para explicar o que deseja.

Uma das principais dicas para se comunicar bem é: tenha segurança. Saiba exatamente o que está falando e mostre ao cliente que tem confiança. Se você ficar inseguro, seu cliente também ficará. Assim, poderá perder as rédeas da situação.

Também é importante evitar gírias ou linguagens técnicas que criam um ruído na comunicação. Se seu cliente não compreende sua linguagem, terá dificuldades de processar a proposta e avaliar seu benefício. Logo, o provável é que recue.

5. Evite sobretudo o excesso

No intuito de estabelecer uma comunicação e transmitir segurança, algumas pessoas acabam pecando pelo excesso. Ou seja, formulam apresentações longas e até minuciosas demais, o que dificulta a compreensão e deixa o cliente mais inseguro.

Nesse caso, lembre-se do antigo jargão “menos é mais”. Deixe na sua proposta comercial apenas o que é realmente importante, elimine o excesso de números, letras miúdas ou cláusulas. Tudo isso pode ser posto em um contrato legal, caso seja necessário.

Coloque em destaque as informações que mais importam ao seu público. Por exemplo, quanto ele vai pagar, quais benefícios pode obter e qual o prazo para que isso ocorra.

Caso exista alguma dúvida, disponha-se a responder pessoalmente. Assim, além de não sobrecarregar o cliente com informações, poderá criar um vínculo mais próximo e mostrar que realmente entende do assunto. Por consequência, terá melhores resultados.

6. Conte com elementos visuais atraentes

Uma proposta deve contar com elementos visuais atraentes. Isso transmite uma série de mensagens positivas ao público-alvo, por exemplo, que você é organizado e quer oferecer a melhor experiência possível.

Em documentos, aposte em uma fonte de texto interessante, impressão de alta qualidade e documentos com layout planejado. Além disso, use pastas com a logo da sua empresa ou do projeto que está em andamento. Assim, conseguirá transmitir mais qualidade.

Na sua apresentação, aproveite para montar um slide visualmente agradável. Novamente, elimine os excessos e deixe apenas as informações que interessam, é seu papel explicá-las.

Aproveite, ainda, para investir na sua imagem pessoal. Vista-se bem, saiba como usar a linguagem não verbal e tenha uma boa postura ao longo da apresentação. Mesmo que não queira, sua imagem diz muito e pode influenciar o sucesso da proposta.

Veja, agora você está por dentro do assunto. Lembre-se sempre que uma boa apresentação de proposta comercial depende, em princípio, de quem é o seu público-alvo. Também é preciso ter um objetivo claro, conhecer os números da empresa e se comunicar com muita qualidade. Por fim, evite o excesso e aposte em elementos visuais atraentes.

Gostou do artigo, correto? Aproveite para aprender mais sobre vendas, gestão e negócios. É fácil, basta curtir nossa página do Facebook e acompanhar nossas novidades.

Deixar Um Comentário