Aprenda agora a lidar com a sazonalidade em vendas

2019-06-13T16:48:34-03:0025 janeiro, 2019|Capacitação no Varejo, Melhores Práticas|

Conheça algumas estratégias para driblar os meses de queda no faturamento!

A sazonalidade em vendas preocupa muitos empreendedores. Se você trabalha com produtos com saída apenas em determinados períodos, é necessário se adaptar a essa realidade e desenvolver recursos para que a sua empresa sobreviva o ano todo, inclusive durante os meses de baixa.

Neste post, vamos indicar alguns caminhos para que você consiga lidar com a situação. Acompanhe!

O que é sazonalidade em vendas?

Muitos empreendimentos dependem das condições climáticas ou de datas comemorativas para a realização dos seus negócios. Há um pico de vendas nesses períodos específicos, sendo que, nos outros meses, as transações diminuem consideravelmente.

Chamamos esse movimento de sazonalidade, a qual pode se tornar um problema para a sustentação da empresa quando não é bem administrada.

Como lidar com a sazonalidade?

Algumas estratégias podem ser adotadas para lidar com essas variações. Destacamos as principais para que você possa aplicar essas ideias agora mesmo no seu negócio.

Mantenha um bom relacionamento com os clientes

Mesmo que o cliente não esteja comprando nesse momento, ele deve sentir confiança na sua loja. Desenvolva um bom relacionamento com o consumidor prezando pelo atendimento impecável, mantendo-o atualizado sobre as novidades e oferecendo descontos ou programas de fidelidade para que esse cliente sempre volte a fazer negócios com você.

Saiba como usar a tecnologia para
impulsionar suas vendas


Para manter essa ligação, use as redes sociais e envie newsletters. Assim, é possível ter um contato ativo que pode, até mesmo, trazer novos clientes por indicação, além de aumentar as possibilidades de que esse consumidor sempre volte a comprar com você.

Analise o histórico de vendas

Um histórico de vendas bem detalhado vai fornecer informações importantes sobre a saída de produtos, o valor do ticket médio, os meses com maior índice de vendas, a quantidade de vendedores necessária para um bom atendimento, entre outros fatores.

Assim, o empreendedor consegue montar estratégias e planejar-se para oferecer um bom serviço durante os meses de maior procura e enxugar os custos ao máximo nos períodos de demanda baixa.

Um software que registre as vendas de cada funcionário vai gerar indicadores que auxiliam muito nessa análise.

Tenha um bom planejamento

A partir do momento em que você sabe como ocorrem suas vendas ao longo do mês, é possível montar um cronograma com a renda média esperada.

Esse cronograma vai dar uma previsibilidade do fluxo de caixa e ajudar a planejar os custos, evitando que a loja fique com impostos em aberto ou salários atrasados.

Em cima dessas previsões, também é possível pensar em estratégias de marketing ou em mix de produtos diferenciados para atender os meses de baixa.

Use a compensação sazonal

A compensação sazonal leva em consideração a flutuação nos registros de venda para fazer cálculos sobre faturamento ou obtenção de receita. Para fazer esse ajuste, os economistas usam uma fórmula para equilibrar os números ou fazem comparações apenas com as mesmas épocas de períodos anteriores: dezembro deste ano com o do ano passado, por exemplo.

A aplicação dessa compensação é extremamente útil na hora de traçar projeções para períodos maiores, como no cálculo de crescimento da loja e da perspectiva para o próximo ano, por exemplo.

Com essas estratégias, a sazonalidade em vendas deixa de ser um problema e pode até mesmo se transformar em oportunidades para diversificar os produtos oferecidos e aumentar o alcance da sua empresa.

E você, adota alguma estratégia específica nos seus negócios? Compartilhe a sua ideia conosco nos comentários!